REDES SOCIAIS

Haras Taquari: 25 anos de criação

24º Melhor Criador de Vaquejada do País pela Associação Brasileira de Cavalos Quarto de Milha (ABQM) em Todos os Tempos.

25/09/2018 23:36:40

Por Roberto Carlos

Henrique Menezes/Lampião Fred, esteira Felipe Pinto/Costeira Pep, Rep. Pq Gilton Guimarães, Esplanada/SE 

A estada no campo, sempre aos finais de semana - quebrava a rotina da movimentada vida urbana do jovem aracajuano Henrique Brandão Menezes Júnior. Nesse ínterim, sempre em companhia do pai Henrique Brandão Menezes e do avô Manoel Aguiar Menezes, na então Fazenda Taquari da família, o garoto crescia, aprendendo as habilidades da vida no campo, montando, ajudando nos afazeres da propriedade e cuidando da pecuária.

Contudo, com o avançar dos anos a paixão pelas “quedas de bois” aflorava pujante. E, mesmo sem a aquiescência dos pais, adentrou no fascinante mundo da Vaquejada, esporte que Henrique Menezes adotou como hobby há 29 anos.

Com a prática da Vaquejada e a paixão pelo Quarto de Milha - surgiu a necessidade de adquirir animais geneticamente diferenciados. “O primeiro animal da raça que adquiri foi num leilão em São Paulo, e com o nascimento dos potros me animei estimulando-me a aumentar o plantel”, conta o quartista.

Seguindo o desejo, o criador diz que o primeiro garanhão de sua propriedade foi Eternal Lad SLN, animal que durante uns 10 anos fez parte da estatística da ABQM como melhor reprodutor. Com o desaparecimento desse raçador, Henrique Menezes foi a procura de outro, também com sangue do “Rei da Vaquejada. “Minha paixão sempre foi o Eternaly Fred”, destaca.  Disse que foi difícil encontrar porque no mercado só existem algo em torno de seis filhos diretos dessa lenda, em reprodução. Mesmo assim a persistência o fizera realizar o sonho ao adquirir Style Fred RRV (herdeiro da dinastia de Eternaly Fred), há época de propriedade de Zezé Rocha. “Confesso que a negociação foi demorada mais consegui”, disse Henrique Meneses que emendou: “Style Fred ganhou vários prêmios nas selas de Romário Rocha, Nelson Pinto, Lee, Wesley Paiacan e Cãozinho”. Acrescentou que Style Fred tem vários filhos mestiços dentre eles uns cinco correndo muito bem Vaquejada no Estado do Sergipe.

O raçador Style Fred

“Agora está produzindo somente filhos PO em matrizes consagradas do Haras Taquari”, completou. Esse raçador é o carro chefe do Haras. “Ele é um lindo garanhão também sangue Doc O Lena (Smarvelena), e, em função disso, imprime em suas proles um pescoço mais delicado e com sangue Alamitos Lad”, finalizou.

Haras Taquari: história

Haras Taquari

O criatório, cujo nome foi herdado da fazenda do pai de Henrique Menezes, esta última com cerca de 50 anos de existência, foi aonde - há 25 anos - se concretizou o sonhou daquele jovem aficionado pelos equinos e pelas “festas de Vaquejada” de ter o próprio haras. Mas, com o passar dos anos - o espírito empreendedor do patriarca da família Menezes o fizera investir em outros projetos. “Meu pai transformou a fazenda na Usina Taquari, atualmente produtora de açúcar, álcool, energia e aguardente”, disse Henrique Menezes. Com essa mudança acabaram os pastos e houve a necessidade de mudança, foi então, que há 10 anos, Henrique adquiriu uma propriedade de 110 hectares, em Graccho Cardoso, há 110 km da capital Aracaju, região que, segundo o quartista, por ser mais quente é propícia para a criação principalmente das 25 éguas. “Sofremos um pouco com a seca mesmo assim é uma região maravilhosa”, conta.

A base da criação sempre foi a linhagem de Trabalho focada na Vaquejada, mas foi introduzido um pouco do sangue de Corrida de Apollo VM e Holland Ease: dois ícones da raça.

O Leilão

“No mês de março deste ano recebi a visita de Leon Freire, um grande amigo e parceiro, para mim um dos melhores assessores do País”, destaca Henrique Menezes, que disse também gostar muito das posições e opiniões de Leon. “Na verdade, o recebi para que ele pudesse olhar uns animais para colocar em seu próprio leilão que aconteceu em julho”, conta. Como Leon soube de Henrique Menezes que o Haras Taquari estava fazendo 25 anos, sugeriu que fosse realizado um leilão em homenagem ao aniversário do plantel. “Porém a ideia inicial seria a de um remate presencial em Aracaju. Mas por escassez tempo de Henrique Menezes, esse intento não foi possível.

Porém, o tradicional criador Geraldo Majella, titular do Haras Fábio José, de Lagarto Sergipe, o convidou para realizarem o 2º Leilão Virtual Haras FJ, em homenagem aos 25 de criação do Haras Taquari. “Esse convite aceitei prontamente porque além de excelente amizade gosto muito dele”. E completou Henrique: “ Geraldo Majella além de ser uma pessoa de bem, veio para revolucionar a criação da raça Quarto de Milha com o melhor centro equestre do Brasil que é o Parque das Palmeiras, aonde a cada evento são apresentados grandes novidades, inclusive soube que tem ótimas surpresas para o Potro do Futuro de Vaquejada que será realizado no Parque”.

E, devido a gratidão pelo convite, Henrique cedeu 15 animais de altíssima qualidade genética para o leilão. Leon Freire foi quem selecionou os exemplares. Escolheu uma filha de Let ADD, tordilho, produtora de dois campeões de Vaquejada, duas tordilhos Roi Pep, deixando somente três matrizes filhas desse raçador cujo sangue não existe mais. Escolheu também uma Eternal Lad, oriundo da última safra desse garanhão filha de uma égua tordilho maravilhosa, em mãe Pivot Point.

Miss Point Let: P+ STYLE FRED RRV – 26/02/18

Das cinco Silver Wild SLN (Roxão), ele levou uma égua recentemente prenhe de Style Fred que de acordo com Henrique Menezes, seria preparada, a partir de 2019, para Vaquejada, visto ainda ser uma égua de pouco mais de 2 anos de idade. Foram também duas filhas maravilhosas de Don Príncipe Bar HJG: uma tordilho outra alazão, duas Eternal DonDiego HJG: baio e alazão, em mãe Let Add. Uma baio amarilho filha de Harlenes Top Cod (Clandestino), linda, entre outras excepcionais. “Ele selecionou minha safra de produção do ano de 2017”, diz o criador.

´Natural Jeck HDM: PF TRABALHO 2020/ VAQUEJADA 2021

“Além dos lotes de fêmeas, está um macho chamado Natural Jeck, para aqueles que pretendem ter um garanhão. Esse potro com certeza será um campeão de Vaquejada. Esse tordilho de pouco mais de um ano, 1,44 metros de altura e quase 400 kg, é filho de Holland Jeck, na Natural Solano WDB, um das melhores do Estado do Sergipe, que corre Vaquejada de direita, de propriedade de Joãozinho dos Colchões, égua na qual ele está ganhando inúmeras provas de vaquejadas”, destacou o quartista. Que finalizou acrescentando: “A tropa está maravilhosa e tenho certeza que os amigos irão adorar”.

Veja todos os lotes no site:agresteleiloes.com.br